Omegacast – Episodio 37 – Mais um Cast sobre Tarantino

Olá pessoas, depois de um cast atípico de duas partes, voltamos a mais um Omegacast convencional. Neste episódio nada cronológico, Wesley Pires e o host Trent chamam Heloisa e Vinicius Maciel (Cidade Gamer) para falar sobre as obras de Quentin Tarantino.

No podcast saibam algumas características dos seus filmes, bem como os atores que mais figuram neles, o que o diferencia de outros diretores e ouçam uma lista de atores que de tão ruins, somente Tarantino pode melhora-los. Tudo isso (e um copo de leite) nesse omegacast.

OBS: Há SPOILERS de praticamente toda a filmografia do Tarantino.

Contato:

Para mandar e-mail, com criticas, sugestões, ou carência afetiva pode mandar e-mail para omegacast@omegastation.com.br ou usar o formulário de CONTATO;

Links:

 Pulp Fiction

 Cães de Aluguel

 Jackie Brown

Kill Bill Vol 1e Vol 2,

Deathproof (à Prova de Morte)e a Cena da dança.

Bastardos Inglórios

Christoph Waltz recebendo o Oscar pela atuação em “Bastardos Inglórios”

Django Unchained (em produção)

Reproduzir
  • Mais um excelente tema. Tarantino é meu diretor favorito, baixando e depois comento!

  • Laila_Flower

    Olá gurizada!
    Excelente episódio de Trentin Quarantino…ops!
    Na minha opinião, se Quentin achasse Trent por aí, poderia rolar uma nova parceria de roteiros! E sabe qual será o nome do filme? “A Volta do John Travolta”. ehehhehehe

    Ashton Kutcher é um ator médio de comédia…no mundo há diversos melhores! De fato, concordo que Efeito Borboleta é o roteiro, e não os atores envolvidos.

    Eu gostaria de ver Tarantino “desconstruindo” atores conhecidos como “fofinhos”, de Sessão da Tarde!

    Beijos!

  • Trent

    hoho Nossa Laila agradeço pelo Trentnin Quarantino, e acho q ele deveria trabalhar comigo em um roteiro. hahaha

    beijoes.

  • Vou comentar sobre os filmes que Tarantino fez roteiro e vendeu para finaciar Cães de Aluguel, já que não foram citados no Cast.
    Primeiro, Amor à queima Roupa, que foi dirigido por Tony Scott. Não minha opinião o filme ficou com um estilo bem Tarantinesco, com excelentes dialogos e uma historia bem amarrada. Destaque para o elenco que conta com alguns excelentes atores, como Gary Oldman, James Gandolfini e Brad Pitt.

    Já Assassinos por Natureza, dirigido por Oliver Stone é bem diferente do estilo de Tarantino, mas ainda assim um bom filme, sobre o amor entre dois psicopatas com um final inesperado. Vale também pelas atuações de Woody Harrelson, Juliette Lewis e Robert Downey Jr.

    Também recomendo verem o curtra brasileiro Tarantino´s Mind, que fala sobre as teorias que ligam os filmes dele, que é atuado por Selton Mello e Seu Jorge.

    http://www.youtube.com/watch?v=op4byt-DtsI

    Abraços e continuem com o excelente trabalho!

  • E aí, Omegacasters! Muito divertido o programa! Tarantino é realmente um diretor muito promissor (calma, não quero dizer com isso que ele não seja bom, pelo contrário; só acho que ele ainda tem um bom caminho a percorrer) e cada produção dele deve ser degustada com carinho. Achei realmente uma pena do Grind House não chegar aqui no Brasil exatamente como foi planejado, teria sido memorável! E um sujeito que faz um filme histórico que muda a História e permanece coerente realmente merece aplausos – assim como o cast! Grande abraço!!!